quarta-feira, 31 de julho de 2013

Eu sei que vou te amar

Saudações filhos da Lua. Benção de Jah para vós. Rasta pare resta sobre, alêuê.

Adler Nariz de Lula diretamente do seu templo de amor, desejando que nos próximos ciclos nós tenhamos mais sementes e menos sem mentes. Rasta nê ô ué.

Bem, agora que foi cumprida a cota hippie do meu contrato, podemos começar o post DEFATO.

E pôxa, hoje estou arrasado. Peço perdão por ter atrasado esta postagem aí no futuro...foi tudo meio rápido sabe?

Bem, frio e direto: eu terminei uma das minhas relações mais antigas e importantes hoje. Posso dizer que tinha mais tempo com essa pessoa do que com o pornô ou a função deste.

Eu não quero entrar em detalhes, mas. Nossa. Tipo...............................................................................................................................respirada sabe...........................................................assoprada.

Ok, vou tentar continuar (mesmo por que ninguem vai entender que interpretei aquelas pausas com choro preso normais de novela e talz, sou um pobre ator que prolonga demais seus parenteses)

Bem, eu acabei descobrindo que ela não era quem eu pensava. Infelizmente fiquei sabendo por terceiros de coisas terríveis que ela fazia pelas minhas costas.

Caramba meu, tu se entrega de corpo e alma pra pessoa fazer isso?!! Tipo, sabe?

Nossa, to super passado

To evitando ela o dia inteiro. Por outro infortúnio, nós acabamos nos vendo praticamente todo dia, então isso demonstra um grande esforço meu.

Não sei se vou aguentar. Ela me trazia alívio sabe? Quando eu pensava que não tinha mais saída, ela me mostrava o caminho. Me abria novos horizontes.

Eu...bem....eu to tentando sair com outras pessoas desde então. Eu sei que parece rápido, mas quem pode me culpar? Eu tenho minhas necessidades.


Olha, infelizmente (que post infeliz não?) eu acredito que esta pessoa vá ler tudo isso um dia. Não sei se será daqui a algumas horas ou anos, mas eu quero que saiba.


Do fundo do meu nariz:


Por toda minha vida eu vou te amar, em cada espirrada, sim, eu vou te amar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário